segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Pegando Fogo

Pego com as mãos
O fogo ardente, sem
Me queimar. Como um
Belo jogo...Viciante
Não consigo controlar

Pelas mãos, as labaredas
Se espalham e vão por
Todo o corpo. Aquece a
Alma, incendeia o peito

Invadindo as veredas
Explora mil sentimentos
Ocultos. Permito-me...
Sinto fugir minha calma

Qual vulcão incandescente
Deixo escorrer rio de lavas
Nesses versos indecentes
Não medirei minhas palavras!

4 comentários:

Malu disse...

Ui! que "hot"!!! Adorei teus versos rasgados, num rompante de vontades. Totalmente Sirena, minha Mamuskamusa Linda. Teamote+! Bjo.

Cris de Carvalho disse...

Muito muito bom! Sempre! ^^

Lice Soares disse...

Bravo!
Parabéns.

Fanzine Episódio Cultural disse...

VIII CONCURSO PLÍNIO MOTA DE POESIAS 2011 (MACHADO-MG). FALEM COMIGO!

A ACADEMIA MACHADENSE DE LETRAS (Machado-MG) comunica que estão
abertas as inscrições para o VIII Concurso Plínio Motta de Poesias, do
ano 2011.
Entrem em contato para adquirir o Regulamento:
a/c Carlos Roberto machadocultural@gmail.com
ESTE CONCURSO ESTÁ ABERTO PARA TODOS!

OBS: O VALOR DA INSCRIÇÃO ( 2 REAIS) PODE SER COLOCADO DENTRO DO ENVELOPE COM AS 6 CÓPIAS DA SUA POESIA.